Conteúdo Técnico

O Guia Definitivo da Vetting Inspection

Se você trabalha em um navio petroleiro, gaseiro ou químico há pelo menos 6 meses, é quase certo de ter passado por uma Vetting Inspection. Como eu mesmo passei por uma alguns dias atrás, resolvi escrever este artigo para compartilhar o que eu aprendi sobre o assunto. Neste texto você irá aprender quem são os envolvidos na Vetting, o que é cobrado e baseado em que regras, o que a tripulação pode fazer para ter um bom resultado e como são as inspeções, em geral.

Continuar lendo

Escada de portaló: verifique se o seu navio está de acordo com as recomendações e práticas internacionais.

Você sabia que as escadas de portaló devem ter claramente marcadas em ambas extremidades restrições para operação segura como ângulos de inclinação máximo e mínimo, carga de projeto, carga máxima para a plataforma inferior e etc? Além disso, redes de segurança devem ser instaladas e uma bóia salva-vidas com dispositivo luminoso e retinida disponibilizada próximo ao acesso quando há risco potencial de queda pelo meio de embarque/desembarque entre navio e terminal.

Continuar lendo

Conheça mais sobre as operações offshore de um PSV

Fala galera da Rádio Cipó! Vamos falar um pouco de umas das muitas operações offshore que existem no nosso mundo marítimo: as operações com um PSV – Platform Supply Vessel (Embarcação de Apoio à Plataformas). Como seu próprio nome diz, é um navio que opera para suprir as demandas das plataformas. Atualmente, o serviço dos PSV’s é visto como simples, pela sua baixa complexidade de operação, e abundante, tanto pela demanda como pela facilidade de se encontrar ou adaptar uma embarcação para esse tipo de serviço, que exige apenas um convés livre de estruturas ou equipamentos, para se aproveitar ao máximo o espaço que será ocupado por cargas.

Continuar lendo

Importantes orientações para os testes realizados nos freios dos guinchos! Você está por dentro?

Você sabia que os testes de freio dos guinchos devem ser realizados anualmente para uma carga de 60% do MBL (“Minimum Breaking Load”) dos cabos? Como os freios estão sujeito à deterioração com o passar do tempo, recomenda-se que novos equipamentos sejam projetados para resistir a uma carga de sustentação (holding) equivalente a 80% do MBL dos cabos, porém com possibilidade de ajuste para 60% dessa carga, garantindo uma margem de segurança ao sistema.

Continuar lendo

Voltando para o CIAGA - Gaxetas

Nessa coluna “voltando para o CIAGA”, vou sempre abordar temas do nosso dia a dia de máquinas em que não foi dada a relevância durante nossa formação ou se foi, não ficou muito claro para nós, e que, durante o embarque identifiquei como importante. Irei começar com um assunto que muitos acham que sabem bem, entretanto, não é o que costumo ver: Gaxetas e vedação, que trazem tanto problema a bordo, mas poderiam ser evitados pelo simples fato de escolher a vedação correta.

Continuar lendo

Astronomia – tudo safo?

Hoje com grandes tecnologias ao nosso redor e ao alcance de nossas mãos, como smartphones ou computadores de bordo com internet (que em sua maioria não são velozes), mas que asseguram uma comunicação básica, teríamos nós tempo e paciência para estudar astronomia a bordo? Afinal, o que sabemos de astronomia? Talvez no céu estrelado reconheçamos somente as Três Marias (parte da constelação de Órion que pode ser visualizada mesmo em terra e com forte iluminação), ou então aquele azimute recomendado no início de cada quarto de navegação, em que já se tem o bizu da tabela em algum computador, necessitando somente alguns dados e teremos erro da agulha giroscópica e desvio da agulha magnética.

Continuar lendo